.


Como fazer um Balancete

folha de cálculoEste documento resume as Receitas e Despesas decorrentes do Exercício. É o documento principal para a aprovação das Contas a apresentar na reunião da Assembleia Geral de Condôminos. Existem muitas versões deste documento, umas bastante mais detalhadas. A versão aqui disponibilizada procura a simplicidade, dando relevo aos pontos mais importantes para a aprovação de Contas e elaboração do Orçamento. É também explicado fazer este orçamento, passo a passo.

Assim, o balancete tem como objectivos:

  • Evidenciar as Receitas obtidas e em falta. Verificar se há cheques não cobrados.
  • Evidenciar as Despesas por Categoria.
  • Evidenciar os Resultados Correntes (resultados onde não constam Operações Extraordinárias). Este resultado é essencial para elaborar o Orçamento do ano seguinte, pois não considera gastos ou receitas resultantes de eventos esporádicos.
  • Apurar o Resultado do Exercício e evidenciar onde este está aplicado (Conta à Ordem, Fundo de Reserva e Caixa).
  • Validar as contas do Exercício. Os valores que transitaram da Administração anterior, no saldo da Conta à Ordem, Conta Poupança Condomínio e Caixa, somado ao Resultado deste ano, perfaz o total dos valores no final do Ano em saldo da Conta à Ordem, Conta Condomínio e Caixa. Qualquer diferença que haja indica um erro nas contas.

O Resultado do Exercício não é mais que as Receitas menos as Despesas, ou seja, o que se realizou durante o Exercício.

Os Resultados Transitados são os valores vindos do ano anterior. São a soma do saldo da Conta à Ordem, Conta Poupança Condomínio e Caixa, transitados do Exercício.

Nota: Caso seja obrigatório uma contabilidade organizada são necessários, alem do balancete, outros documentos.


Explicação do Balancete

Receitas

Por cada fracção é apresentado, em primeiro lugar, o valor que deveria ter sido cobrado. Na coluna seguinte (saldo) é apresentado o desvio desse mesmo valor, ou seja,

se há algo por receber, esse valor é apresentado  como negativo, se pagou em excesso, então, esse valor é apresentado  com sinal positivo.

Também pode haver lugar a Receitas Extraordinárias, no caso apresentado a fracção D pagou 22 euros atrasados do ano anterior.

Despesas

À direita são apresentadas as despesas, agregadas por categoria. As despesas extraordinárias são apresentadas no fim. No caso apresentado o arranjo da porta é uma despesa extraordinária.

Resultado do Exercício

O resultado Exercício não é mais que o saldo do seu Exercício, ou seja, o total das Receitas menos o total das Despesas ocorridas durante o Exercício.

Resultado Corrente

É o total das Receitas menos o total das Despesas, não contando com as Despesas e Receitas Extraordinárias. Este resultado é importante para efectuar o Orçamento para o ano seguinte.

Resultado Transitado

São os valores vindos do ano anterior. São a soma do saldo da Conta à Ordem, Conta Poupança Condomínio e Caixa, transitados do Exercício anterior. Neste caso, temos um total 4.976,73 € distribuído por Conta Corrente, Caixa, e Conta Condomínio.

Resultado a Transitar

São os valores apurados este ano (Resultado deste Exercício), mais o Resultado Transitado. Este Resultado está repartido pelo saldo da Conta à Ordem, Conta Poupança Condomínio e Caixa, a 31 de Dezembro. Neste caso temos 5.339,33 €.

Validação

O Resultado Transitado (4.976,73 €) acrescido do Resultado do Exercício (362,60€) iguala o valor dos Resultados a Transitar, o que é correcto.